Notícias

Concurso educacional Respostas Para o Amanhã

Tamanho da fonte: A- A+ imagem_evento

Publicada: 29/06/2015

Inscreva-se até 20/09 na 2ª edição do concurso educacional Respostas Para o Amanhã

 

 

 

Voltado para alunos do Ensino Médio de escolas públicas, o concurso estimula os estudos em Ciências, Matemática, Tecnologia e Engenharia e promove melhorias nas comunidades

 

São Paulo, 25 de junho de 2015 – A partir dessa sexta-feira, 26 de junho, alunos do Ensino Médio de todo o Brasil podem inscrever seus projetos inovadores no concurso “Respostas Para o Amanhã”, promovido pela Samsung. A competição nacional tem como objetivo desafiar os jovens a propor ideias e a implementar planos criativos, que solucionem problemas da sociedade, por meio da aplicação dos conhecimentos adquiridos nas aulas de matemática, ciências e lógica.

<

“Acreditamos que a educação é a chave para gerar mudanças positivas na sociedade”, afirma Helvio Kanamaru, gerente sênior de Cidadania Corporativa da Samsung. “Por isso, na Samsung nos dedicamos para, dentro de nossa experiência com inovação e liderança mundial em tecnologia, promover e estimular o desenvolvimento educacional no Brasil. O ‘Respostas Para o Amanhã’ é um de nossos pilares nessa área”.

 

As inscrições devem ser feitas até o dia 20 de setembro, pelo site www.respostasparaoamanha.com.br. No endereço virtual, os interessados podem acessar o regulamento completo do concurso e conhecer todos os detalhes para participação.

 

Em sua segunda edição no Brasil, o ‘Respostas para o Amanhã’ tem a coordenação geral do Cenpec – Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária. A Samsung conta ainda com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e da Rede Latino-americana de Organizações Sociais para a Educação (REDUCA), entre outros parceiros regionais e locais.

 

Para a coordenadora técnica do Cenpec, Maria Amabile Mansutti, o grande diferencial do concurso é a sua proposta pedagógica inovadora, que possibilita não apenas o engajamento dos estudantes e a valorização dos educadores, como também o envolvimento da comunidade local. “Além disso, uma novidade desta edição é que todos os participantes, alunos e professores, ao se inscreverem terão acesso a orientações formativas, independente da premiação. É uma oportunidade ímpar para a escola articular os conhecimentos no campo científico ao uso da tecnologia e à sustentabilidade”, afirma.

 

Premiação

A comissão julgadora, constituída por especialistas de educação, seleciona os 20 melhores trabalhos apresentados. Esses grupos serão contemplados com um kit de edição de vídeo (composto por um notebook e uma câmera), com o qual devem produzir um filme sobre seus projetos. Após envio dos vídeos, as cinco melhores produções serão disponibilizadas no site para votação pública e da comissão julgadora. Os membros das cinco melhores equipes são premiados com smartphones para os alunos, além de um tablet para o professor orientador e um para o diretor da escola. Como prêmio, a escola da equipe vencedora receberá 40 notebooks para instalação de um laboratório interativo.

 

Os benefícios do ‘Respostas Para o Amanhã’ vão além da esfera educacional. “O concurso estimula a aplicação prática dos conceitos aprendidos em sala de aula, visando o benefício social, ou seja, engaja o jovem a tornar-se um agente de mudanças e contribuir para uma sociedade melhor. O impacto disso na autoestima dos alunos, ao perceberem que podem contribuir para grandes e significativas mudanças, é imensurável”, avalia Kanamaru.

 

As Soluções para o Futuro da América Latina

 

Na primeira edição latino-americana, que ocorreu em 2014, mais de 27 mil alunos, sob a orientação de 1.300 professores, inscreveram cerca de 2.200 projetos no concurso. Neste ano, a expectativa é que o impacto seja ainda maior, com a participação de mais países. Serão oito no total: Brasil, Argentina, Chile, México, Panamá, Paraguai, Peru e República Dominicana.

 

No Brasil, a vencedora do concurso, no ano passado, foi a Escola Estadual Tristão de Barros, localizada em Currais Novos, interior do RN, com o projeto “Equilíbrio”, que reaproveita lixo eletrônico para construir produtos para pessoas com necessidades especiais.

 

Com a ajuda do professor de Física da escola, os alunos criaram três protótipos: um mouse óptico que, graças à lente reaproveitada de uma câmera de celular, amplia o tamanho de um texto em um monitor e ajuda pessoas com baixa visão na leitura; um conjunto de bengala com sensor de proximidade e pulseira com vibracall, que emite sinais ao aproximar-se de obstáculos, também voltado para deficientes visuais; e uma cadeira de rodas elétrica, que recebe comandos de direção por meio de um controle remoto de vídeogame.

Serviço

 

Concurso Respostas Para o Amanhã

Inscrições: de 26 de junho a 20 de setembro

Site: www.respostasparaoamanha.com.br

 

No Brasil e na América Latina, as atividades de Cidadania Corporativa da Samsung estão focadas em Educação. Com base na experiência Sul-coreana, onde localiza-se a sede da Samsung, a Empresa reconhece e promove a valorização do ensino de qualidade como um fator-chave, capaz de promover o desenvolvimento social de um País.

 

Sobre o Cenpec

O Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (CENPEC) é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, criada em 1987, cujo objetivo é o desenvolvimento de ações voltadas à melhoria da qualidade da educação pública e à participação no aprimoramento da política social. Sua atuação tem como foco a escola pública, os espaços educativos de caráter público e as políticas e iniciativas destinadas ao enfrentamento das desigualdades. As ações desenvolvidas visam contribuir para o fortalecimento das políticas de educação integral, de enfrentamento das desigualdades sócio espaciais, valorização e formação dos profissionais de educação, a ampliação e a diversificação do letramento, o fortalecimento da gestão escolar e a construção de uma base nacional curricular comum.

 

Sobre a Samsung no Brasil

A Samsung Eletrônica da Amazônia tem dois complexos industriais, localizados em Manaus (AM) e em Campinas (SP). A Companhia emprega mais de 10 mil funcionários e está presente nos segmentos de smartphones, tablets, produtos de áudio e vídeo (TV, DVD, Blu-Ray, home theater, mini systems esmartcameras), eletrodomésticos, ar condicionado, monitores, notebooks e soluções de impressão. No Brasil desde 1986, a Samsung investe continuamente em Pesquisa e Desenvolvimento, bem como em modernas e eficientes estruturas de produção.

 

Como cidadã corporativa, social e ambientalmente responsável, a Samsung trabalha para coprosperidade, ou seja, para gerar valor e proporcionar oportunidades para toda a sociedade. Com base na experiência Sul-coreana, a Empresa reconhece a importância do ensino de qualidade como gerador de desenvolvimento social. Por isso, tem a Educação como principal foco das atividades da área de Cidadania Corporativa no Brasil.

 

Sobre a Samsung Electronics Co., Ltd.

 

A Samsung Electronics inspira o mundo e molda o futuro com ideias e tecnologias transformadoras, redefinindo os mundos das TVs, dos smartphones, dispositivos vestíveis, tablets, câmeras, eletrodomésticos, impressoras, equipamentos médicos, sistemas de rede e semicondutores e soluções LED. Também estamos liderando completamente o espaço da Internet das Coisas, com nossas iniciativas de Casa Inteligente e Saúde, entre outras. Empregamos 307 mil pessoas em 84 países com vendas anuais de US $196 bilhões. Para saber mais, visite o nosso site oficial www.samsung.com e nosso blog oficial global.samsungtomorrow.com



Comentários(0)

Observação: as opiniões aqui publicadas são de responsabilidade apenas de seus autores. Os números de IP dos responsáveis pelos comentários estarão à disposição de vítimas de eventuais ofensas veiculadas neste espaço.

O que fazemos

  • Assessoria as políticas educacionais, sociais e culturais
  • Formação de agentes educacionais, sociais e culturais
  • Implementação de programas e projetos
  • Produção e disseminação de conhecimento

Como fazemos

Nossas Redes

Abong Rede Nossa São Paulo Rede primeira infância Todos Pela Educação