Notícias

Inscreva-se até 23 de agosto

Tamanho da fonte: A- A+ imagem_evento

Publicada: 23/07/2015

Inscrições para a terceira edição do Prêmio RBS de Educação são prorrogadas até 23 de agosto


Educadores e estudantes de escolas públicas e privadas têm mais prazo para cadastrar projetos de incentivo à leitura em diferentes disciplinas e com abordagens inovadoras


O prazo para inscrições e envio de relato na terceira edição do Prêmio RBS de Educação — Para Entender o Mundo foi ampliado até o dia 23 de agosto. Projetos de qualidade na área de incentivo à leitura, em suas diferentes formas, têm mais uma chance de reconhecimento e valorização. O Grupo RBS e a Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho vão premiar iniciativas de educadores das redes pública e privada que desenvolvam práticas de mediação entre leitores e textos.

Assim como em 2014, a premiação deste ano terá as categorias Escola Pública e Escola Privada, voltadas para educadores, e Jovens Protagonistas, destinada especialmente a estudantes da Educação Básica. Apesar de ser voltada à leitura, a premiação é aberta a projetos de todas as disciplinas, como Matemática, Química e Física, desde que as iniciativas inscritas tenham como foco o texto em suas diferentes formas.

O Prêmio RBS de Educação é uma realização do Grupo RBS e da Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho, com apoio técnico do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). A iniciativa é uma das principais ações no campo do Investimento Social Privado (ISP) que as instituições realizam em 2015, expressando os compromissos da RBS com odesenvolvimento da Educação Básica no país.
Quem pode participar
Em seu terceiro ano, o Prêmio RBS de Educação – Para Entender o Mundo destacará  projetos de professores de todas as disciplinas e educadores (como gestores e bibliotecários), desde que atuem na Educação Básica.

A categoria Jovens Protagonistas irá financiar propostas de projetos que devem ser executados no ano seguinte à premiação. Podem participar estudantes entre 14 e 24 anos vinculados a uma instituiçãode ensino. Serão aceitos trabalhos individuais ou em grupo de até cinco pessoas.

O curso online Cinco passos para a mediação de leitura é gratuito e aberto a todos interessados.

Inscrições
Os interessados em concorrer à premiação devem se inscrever exclusivamente pelo site do Prêmionas categorias Escola Pública, Escola Privada e Jovens Protagonistas. É possível se cadastrar e enviar o relato ou projeto até 23 de agosto.

Cronograma

  • Inscrições e envio do relato | até 23/08
  • Divulgação dos finalistas | 11/09
  • Júri popular | 06/11 a 28/11
  • Premiação | 28/11

Seleção

A primeira triagem dos projetos será feita por uma comissão de especialistas em mediação de leitura. Após a avaliação dos trabalhos de educadores e jovens, serão eleitos os finalistas em cada uma das três categorias.

Uma vez selecionados os aprovados para a etapa final, a comissão escolherá os premiados nas categorias Escola Pública e Escola Privada – ambas com três finalistas em cada Estado. A categoriaJovens Protagonistas terá dois finalistas no RS e dois no SC, e os vencedores serão eleitos exclusivamente pelo Júri Popular. Serão 16 classificados, no total.

Educadores das categorias Escola Pública e Escola Privada também concorrem entre si pelo voto do público, que irá eleger um vencedor por estado, a partir de 16 documentários relatando a experiência do trabalho dos professores e a proposta apresentada pelos jovens.

Premiação
Total: R$ 156 mil.
Finalistas: R$ 1,5 mil (para cada um dos 16 finalistas)
Vencedores Categorias Escola Pública e Escola Privada: R$ 11 mil para cada vencedor (dois do RS e dois de SC)
Júri Popular Jovens Protagonistas: R$ 12 mil para cada projeto (um no RS e um em SC)
Júri Popular Escola Pública e Escola Privada: R$ 11 mil (um do RS e um de SC)
Instituições: R$ 6 mil para as seis escolas dos educadores vencedores e R$ 3 mil para as duas instituições em que atuam os jovens protagonistas. O valor deverá ser investido em projetos deincentivo à leitura.

Curso gratuito

Para estimular e qualificar atividades de mediação de leitura, o prêmio oferece o curso Cinco passos para a mediação de leitura, que é gratuito e aberto a participantes de todo o país. O treinamento oferece um material didático completo com textos e vídeos que auxiliam a busca de conhecimento sobre a temática.online de mediação e leitura, que já era reconhecido pela Secretaria de Estado da Educação de Santa Catarina, agora também será certificado pela Secretaria da Educação do Rio Grande do Sul.
Em 2015, o curso é reconhecido pelas secretarias do RS e de SC. Os participantes receberão que concluírem a capacitação recebem uma declaração de 20 horas, atestando a conclusão das atividades. Quem enviar o relato de mediação de leitura, efetivando a inscrição no prêmio, receberá um documento referente a 70 horas de participação (20 horas pelo curso e 50 horas pelo envio do relato).
Ao final do ano, as secretarias encaminharão um certificado que poderá ser validado junto à rede de ensino, desde que ela aceite a certificação. A informação deve ser confirmada nos municípios, Ministério da Educação, entidades de classes ou instituições de ensino.


Comentários(0)

Observação: as opiniões aqui publicadas são de responsabilidade apenas de seus autores. Os números de IP dos responsáveis pelos comentários estarão à disposição de vítimas de eventuais ofensas veiculadas neste espaço.

O que fazemos

  • Assessoria as políticas educacionais, sociais e culturais
  • Formação de agentes educacionais, sociais e culturais
  • Implementação de programas e projetos
  • Produção e disseminação de conhecimento

Como fazemos

Nossas Redes

Abong Rede Nossa São Paulo Rede primeira infância Todos Pela Educação